terça-feira, 15 de janeiro de 2013

RESPOSTA AO PAIM


Resposta que enviei ao Paim, conforme seus comentários abaixo, postados em diversos grupos, a respeito da mensagem PREVI - BENEFICIOS -  SUGESTÕES. Ler de baixo para cima.

Prezado Paim.

Marque o dia e o horário  que irei com maior prazer.
Fico surpreso você desconhecer distorções nos benefícios da PREVI.
Referidas distorções e injustiças vêm sendo debatidas na ANABB desde 2005, conforme foi divulgado em várias revistas AÇÃO. Você foi Diretor Estadual da ANABB.
Observo que em junho de 2008 a ANABB constituiu grupo de Trabalho composto por representantes da ANABB, CONTEC, FAABB, AAFBB, AAPBB e AFABBs, conforme divulgado no jornal AÇÃO número 201 – junho – julho de 2008. Nos dias 8, 9 e 10 de julho o Grupo se reuniu com a Diretoria e com o Grupo Assessor da ANABB, com o objetivo, dentre outros, de reduzir as desigualdades entre diferentes grupos de participantes do mesmo plano. Foram construídas 10 propostas para serem discutidas com o Banco e PREVI. A matéria pode ser relida nas páginas 10 a 12 do referido jornal. O que me surpreende, meu caro Paim,  é que você integrou o Grupo, representando a AFABB da Bahia conforme pode ser comprovado através de foto na pagina 12. Ou estou equivocado?
As negociações não avançaram, pelo que se sabe, por causa da crise nos Estados unidos, com refexos negativos nas economias mundiais e no Brasil. A PREVI teve rentabilidade negativa em 2008 de (-11,4%). A reserva Especial acumulada em 2007 que era de R$ 37,5 bilhões caiu  em 2008 para R$ 9,8 bilhões. Também em 2008 foi editada a  maldita Resolução CGPC 26/2008, com repasse de R$ 7,5 bilhões para o Banco em 2010. O Banco vai continuar se beneficiando com 50% das reservas, enquanto perdurar a resolução. Perdeu-se em 2006 e 2007 a grande oportunidade de se corrigir todas as injustiças que continua imperando na PREVI e a  cada dia são construídas novas frentes de distorções. Em 2010  novo Grupo foi formado. No acordo o Banco admitiu alterar o regulamento. Houve algumas reuniões em 2011, interrompidas em maio, após a crise na Europa que mais uma vez afetou a rentabilidade da PREVI que foi de 7,7%, bem abaixo da meta atuarial.
Há algum tempo, este assunto também vem sendo debatido nas redes sociais.
De minha parte, desde de 2010 venho divulgando informações com simulações de perdas evidenciadas em planilhas. Com o incentivo de vários colegas retomei, o assunto e em 5/12/2012 enviando sugestão ao Grupo Assessor Temático da ANABB para fazer estudos para rever os critérios de reajustes dos benefícios e  o alinhamento do Plano. O título da mensagem é: PREVI – RETRATO DO PLANO I SUGESTÃO. Você leu? Por sugestão da colega Isa Musa, Presidente da FAABB, membro do grupo temático e conselheira da ANABB, estou ultimando sugestão para encaminha ao Grupo Temático para o devido aprofundamento. Irei compartilhar com os colegas por e-mail e no meu blog. Com minha sugestão inicial, que ficou bem definida a existência de 4 grupos dentro do Plano I inaugurei o meu blog: ajccarvalho.bolgspot.com onde estou postando esta nossa discussão, contendo sua pergunta e minha resposta. Não tenho acesso a alguns destes grupos endereçados. Se desejar, reproduza
Aguardo retorno.
Abraço,

Carvalho.


"Caro Carvalho,

  Se estão acontecendo as distorções que você relacionou, com certeza o PB-1 precisa de severa "intervenção cirúrgica".

Sinceramente, nunca tive notícia de que alguns estejam recebendo "o dobro de que outros recebem", mesmo tendo contribuições próximas.
Convido-o para fazer uma exposição sobre o assunto em nossa AFABB BA (a partir da segunda quinzena de fevereiro).
Fico no aguardo de sua resposta.

abraços,

Paim"

  Em Ter 15/01/13 09:52, Milton Bertoco escreveu:

Concordo com todas as sugestões do colega Carvalho enumeradas abaixo.

Abraços

Milton
  
Caro Paim:
Alinhar benefícios seria:
- Corrigir as grandes e injustas distorções em que uns recebem o dobro do que outros recebem, mesmo tendo efetuado contribuições próximas ao longo do período de contribuições;
- É nivelar os critérios de contribuições e benefícios ao longo do tempo;
- É conceder o BET proporcional às contribuições e não aos benefícios;
- Neutralizar, em definitivo, os efeitos da parcela PREVI;
- É evitar a formação de reservas, mediante reajustes injustos e irreais de benefícios e partilhar estas reservas (lucros) com o Banco;
- É diminuir as distâncias entre os 6 grupamentos criados dentro do plano I;
- É criar tetos para evitar grandes disparidades de benefícios;
- É evitar que uns contribuam mais de 40 anos e recebam menos que outros contribuirão menos 20 anos;
- É evitar que se perpetue as contribuições dos participantes e do Banco com reservas, e etc. etc.
Abraço,
Carvalho

Assunto: Re: [analistabb] Re: PREVI – BENEFÍCIOS - SUGESTÕES
 "Caro Carvalho,
Gostaria que você nos explicasse o que seria "ALINHAMENTO DE BENEFÍCIOS".
Abraços,
Paim"


Nenhum comentário: