segunda-feira, 11 de agosto de 2014

PREVI APROVA O PAGAMENTO DE BÔNUS AOS SEUS DIRETORES

Diante dos votos contrários dos eleitos, o Presidente do Conselho Deliberativo da PREVI usou o voto de minerva e aprovou nota técnica de 2013 (Diretoria anterior), autorizando o pagamento de Bônus aos Diretores da PREVI de até 6 salários adicionais (anos de 2011, 2012 e 2013), iguais aos que foram pagos pelo Banco aos seus Dirigentes Estatutários, além da PLR que já havia sido paga.

O Conselho vai rever a política de remuneração a partir de 2014, após a revisão do convênio de cessão de funcionários assinado em 2010, que também se arrasta na Diretoria há algum tempo e que agora está sendo conduzido pela Diretora Cecilia Garcez. Somos contrários à adoção das mesmas regras de remuneração usadas pelos Diretores do Banco. A PREVI não é Instituição Financeira.  Nossa missão é pagar benefícios.

Continuaremos acompanhando este e outros assuntos de interesse dos participantes. Sabemos que sozinhos e isolados não mudaremos a PREVI.  Nada obstante, não abrirei mão dos meus princípios e convicções. Mesmo diante dos desafios e das barreiras, continuaremos lutando pelas propostas constantes em nosso programa de campanha. Questão de tempo e paciência.

Registro que tenho centenas de e-mails pendentes de respostas, muitos há algum tempo. Solicito compreensão. Responderei a todos.

Minha comunicação pessoal se dará com mais frequência através do meu blog: WWW.ajccarvalho.com.br. Se desejar, acesse, participe e adicione. A chapa 3 se comunicará através do site: WWW.previlivre.com.br que entrará no ar esta semana.

Leia abaixo a íntegra da Nota conjunta assinada pelos Conselheiros Deliberativos Eleitos
Antonio J. CARVALHO

“Conselheiros eleitos votam contra pagamento de bônus a diretores da PREVI

O presidente do Conselho Deliberativo da PREVI, em reunião do dia 31/07/2014, utilizou o voto de minerva para aprovar pagamento de bônus de remuneração variável para os diretores executivos da Previ. Tal decisão foi tomada após todos os conselheiros eleitos registrarem voto contrário a essa matéria.

Com essa decisão, os diretores da Previ receberão, a título de complementação da remuneração variável, um bônus que pode chegar a quatro salários adicionais nos anos de 2011 e 2012, seis salários no ano de 2013, além dos seis salários anuais de participação nos lucros que estes já receberam nos referidos anos. O pagamento do bônus estava sendo discutido no Conselho Deliberativo desde 2011, com forte oposição por parte dos conselheiros eleitos. A decisão também determina que o convênio de cessão seja revisto em relação à remuneração variável dos diretores.

O Convênio de Cessão que regulamenta a situação dos funcionários do BB na PREVI foi aprovado em 05/01/2010 e estabelece que os empregados cedidos tenham direito a receber remuneração equiparada aos empregados do Banco e que os Diretores Estatutários terão a relação de trabalho regida pelo Estatuto da PREVI e pela Política e Diretrizes de Gestão de Pessoas da Previ, aprovadas pelo Conselho Deliberativo.

No ano de 2011, o Banco do Brasil alterou o sistema de remuneração dos seus estatutários (presidente, vice-presidentes e diretores), pagando, além dos honorários  e da participação por lucros, um bônus anual em ações da empresa de acordo com o atingimento de metas individuais pré-estabelecidas, com indicadores relacionados à atividade financeira.

Os Conselheiros Deliberativos eleitos – Titulares e Suplentes – defendem que a remuneração dos diretores da Previ seja desvinculada das regras praticadas pelo Banco em relação aos seus dirigentes estatutários.

Conselheiros deliberativos eleitos da PREVI – Titulares e Suplentes

Antonio J. Carvalho                                       Jose Bernardo de Medeiros
Haroldo Vieira                                                João Souza de Jesus

Rafael Zanon                                                 Jose Ulisses de Souza”

19 comentários:

Rosalina de Souza disse...

Prezado Colega Carvalho,

Resposta da Previc:

Prezada Senhora Rosalina de Souza,

A Ouvidoria da Previc acusa recebimento de sua manifestação e informa:

1- A Diretoria de Fiscalização da Previc só aceita denúncia baseada no Art. 38 do Decreto 4942/2003: formalizada e contendo a identificação do denunciante (nome, CPF, endereço, matrícula na Entidade, assinatura), a identificação do denunciado (nome da Entidade, número de registro da Entidade, endereço, telefone), a indicação da(s) irregularidade(s) e os documentos ou quaisquer outros elementos de prova que sustentem a denúncia.

2- A denúncia deverá ser enviada, por carta e com aviso de recebimento (AR), para a Diretoria de Fiscalização (DIFIS) da PREVIC, no seguinte endereço:

Superintendência Nacional de Previdência Complementar – PREVIC
A/C Diretoria de Fiscalização – DIFIS
Setor Bancário Norte, Quadra 02, Bloco N, Lote 8, 6º andar
CEP: 70040-020
Brasília – DF
3- Outras eventuais suspeitas de irregularidades podem ser denunciadas da mesma forma explicitada no item anterior.


Sem mais para o momento, subscrevemo-nos

Atenciosamente,

Claudia Varella Barca de Miranda
Ouvidora Substituta
Superintendência Nacional de Previdência Complementar - PREVIC
Setor Bancário Norte - Bloco N - Brasília/DF - CEP: 70040 – 020
previc.ouvidoria@previc.gov.br
Tel.: (61) 2021 2029

Anônimo disse...

Finalmente o BB-guloso foi obrigado a valer-se do voto de qualidade para decidir matéria de seu interesse. Assim ao menos fica registrado nosso repúdio à ação deletéria do patrocinador.

FRANCISCO JOSÉ DA SILVA NETO disse...

SR. CONSELHEIRO CARVALHO,
JÁ MANDEI VÁRIOS EMAILS,SEM NENHUMA RESPOSTA - 1.
DESCULPE-ME NO COMENTÁRIO DIGITEI CARCALHO AO INVÉ DE CARVALHO. CONSIDERE CORRIDO.

FRANCISCO JOSÉ DA SILVA NETO disse...

12.08.2014 - EMAIL ENVIADO PARA O BLOGO AJCARCALHO
SR. CONSELHEIRO CARVALHO,
JÁ MANDEI VÁRIOS EMAILS,SEM NENHUMA RESPOSTA - 2.
DESDE 2012 QUE RECLAMO DOS DESMANDOS E DESCALABRO ADMINISTRATIVO EM QUE A PREVI ESTÁ SENDO AFUNDADA,LEVANDO POR GRAVIDADE A FONTE DE RENDA DOS PAGAMENTOS DOS BENEFÍCIOS PELOS QUAIS OS PARTICIPANTES PAGARAM E PAGAM PARA USUFRUIR COMO APOSENTADOS.
ESSA RECLAMAÇÕES FORAM ENVIADAS PARA O SR., PARA ASSOCIAÇÕES DE APOSENTADOS, SINDICATOS E COLEGAS. ALGUNS RESPONDERAM MAS NÃO AJUDARAM NA LUTA.
ENQUANDO ISSO CONTINUO, AQUI E AGORA A”CAMPANHA LOGÍSTICA APOSENTADOS PODEM AFUNDAR NAS DÍVIDAS DOS EMPRÉSTIMOS FEITOS NA PREVI, EMPRÉSTIMOS FEITOS COM O PRÓPRIO DINHEIRO DOS PARTICIPANTES.
SR. CARVALHO, A SUGESTÃO PROPOSTA PELO SR. JUNTO A DIRETORIA E CONSELHEIROS DA PREVI PARA AMENIZAR A SITUAÇÃO DOS QUE NÃO PUDERAM RENOVAR O EMPRÉSTIMO SIMPLES, TALVEZ SAIA MAS NÃO VAI ELHORAR MUITO A NOSSA SITUAÇÃO.
SEM ESQUECER QUE OS DIRETORES PODEM RETALIAR PORQUE 6 CONSELHEIROS DA PREVI FORAM CONTRA A BENESSE DO PAGAMENTOS DOS BONUS MILIONÁRIOS AOS DIRETORES. VAMOS VIGIAR.
DETALHE: MUITOS PARTICIPANTES ESTÃO SE DESLIGANDO DE ASSOCIAÇÕES, PORQUE NÃO QUEREM SER SÓCIOS DE ENTIDADES QUE NÃO FAZEM NADA EM DEFESA DOS APOSENTADOS, ALEGAM QUE NÃO PODEM ENTRAR NA JUSTIÇA CONTRA A PREVI POR FORÇA DE REGULAMENTAÇÃO E FICAM SÓ CRIANDO AÇÕES FATASMAS DE IMPOSTO DE RENDA DE FGTS, ETC. CHEGA DE ENROLAÇÃO. ALÉM DO MAIS O RESPONSÁVEIS PELA FOPAG DA PREVI DIZEM QUE AS VERBAS DE ASSOCIAÇÕES NÃO INFLUENCIAM NO CÁLCULO DA MARGEM CONSIGNAVEL, DAÍ E CONVERSA PRA BOI DORMIR. E MESMO QUE INFLUENCIASSE BASTA QUE CADA PARTICIPANTE PEÇA PARA EXCLUIR A MENSALIDADE DA FOPAG DA PREVI.

FRANCISCO JOSÉ DA SILVA NETO disse...

12.08.2014 - EMAIL ENVIADO PARA O BLOGO AJCARCALHO
SR. CONSELHEIRO CARVALHO,
JÁ MANDEI VÁRIOS EMAILS,SEM NENHUMA RESPOSTA - 2.
DESDE 2012 QUE RECLAMO DOS DESMANDOS E DESCALABRO ADMINISTRATIVO EM QUE A PREVI ESTÁ SENDO AFUNDADA,LEVANDO POR GRAVIDADE A FONTE DE RENDA DOS PAGAMENTOS DOS BENEFÍCIOS PELOS QUAIS OS PARTICIPANTES PAGARAM E PAGAM PARA USUFRUIR COMO APOSENTADOS.
ESSA RECLAMAÇÕES FORAM ENVIADAS PARA O SR., PARA ASSOCIAÇÕES DE APOSENTADOS, SINDICATOS E COLEGAS. ALGUNS RESPONDERAM MAS NÃO AJUDARAM NA LUTA.
ENQUANDO ISSO CONTINUO, AQUI E AGORA A”CAMPANHA LOGÍSTICA APOSENTADOS PODEM AFUNDAR NAS DÍVIDAS DOS EMPRÉSTIMOS FEITOS NA PREVI, EMPRÉSTIMOS FEITOS COM O PRÓPRIO DINHEIRO DOS PARTICIPANTES.
SR. CARVALHO, A SUGESTÃO PROPOSTA PELO SR. JUNTO A DIRETORIA E CONSELHEIROS DA PREVI PARA AMENIZAR A SITUAÇÃO DOS QUE NÃO PUDERAM RENOVAR O EMPRÉSTIMO SIMPLES, TALVEZ SAIA MAS NÃO VAI ELHORAR MUITO A NOSSA SITUAÇÃO.
SEM ESQUECER QUE OS DIRETORES PODEM RETALIAR PORQUE 6 CONSELHEIROS DA PREVI FORAM CONTRA A BENESSE DO PAGAMENTOS DOS BONUS MILIONÁRIOS AOS DIRETORES. VAMOS VIGIAR.
DETALHE: MUITOS PARTICIPANTES ESTÃO SE DESLIGANDO DE ASSOCIAÇÕES, PORQUE NÃO QUEREM SER SÓCIOS DE ENTIDADES QUE NÃO FAZEM NADA EM DEFESA DOS APOSENTADOS, ALEGAM QUE NÃO PODEM ENTRAR NA JUSTIÇA CONTRA A PREVI POR FORÇA DE REGULAMENTAÇÃO E FICAM SÓ CRIANDO AÇÕES FATASMAS DE IMPOSTO DE RENDA DE FGTS, ETC. CHEGA DE ENROLAÇÃO. ALÉM DO MAIS O RESPONSÁVEIS PELA FOPAG DA PREVI DIZEM QUE AS VERBAS DE ASSOCIAÇÕES NÃO INFLUENCIAM NO CÁLCULO DA MARGEM CONSIGNAVEL, DAÍ E CONVERSA PRA BOI DORMIR. E MESMO QUE INFLUENCIASSE BASTA QUE CADA PARTICIPANTE PEÇA PARA EXCLUIR A MENSALIDADE DA FOPAG DA PREVI.

rafael campagnoli disse...

Previ emite nota no site dela dizendo, entre outras coisas, que "utilização indevidamente informações sobre a remuneração ..." E que os valores pagos não comprometem nosso pagamento ... Além de tudo, ainda passa "pito" nos diretores e aposentados?

Anônimo disse...

Estimado Carvalho,

A mando e supervisão do Banco do Brasil, seus diretores estatutários que atuam por indicação do BB dentro da PREVI, mandaram os advogados publicarem seus
" E S C L A R E C I M E N T O S "
hoje publicados no site da PREVI, contendo estas pérolas:

(i)- "tendo em vista a utilização inadequada de informações com relação a política de remuneração variável da Diretoria Executiva.....-vazou o segredo- esclarecem que:

1)- O quadro de dirigentes é excelente por que são funcionários oriundos do Banco do Brasil e estão cuidando do seu próprio patrimônio...

2)- Desde 2005 há um convênio de Cessão -(a Diretora Cecília comanda estudos para revisar tal convênio!)- com remunerações equivalentes entre BB e PREVI para reter estes talentos (e no "mercado"? não há gente + competente?)

3)-Assim sendo, o Presidente da PREVI é remunerado IGUAL a qualquer um dos vice-presidentes do BB e os outros 5 dirigentes ganham IGUAL a qualquer dirigente (?) do BB...

4)-Em 2008 o BB criou "Altos Honorários" para seus estatutários -(empilhou todas as vantagens que na PREVI não valem :aux. alimentação, abonos, licença-prêmio, etc.etc.)- e, é claro, o CD em 2008 aprovou que os dirigentes indicados pelo BB, na PREVI, ganhassem o mesmo valor, embora denominados SALÁRIOS", a fim de que crescesse suas mensalidade à PREVI, suspensas por 7 anos, pagas pela própria PREVI, por conta de negociações do superavit..."

-Em 2011 o BB inovou (por força de Resoluçãozinha da CVM )pagando "remuneração variável - conhecida por BÔNUS - resgatáveis em até 4 anos, inclusive com ações do BB.

Continuaremos na leitura e com o entendimento a seguir.

fernando disse...

Prezado Carvalho, analisando a nota explicativa da PREVI, entendo que nenhum diretor vai receber PREMIO a mais, pois se nao foi atingido o superavit, motivo que nos cortou o BET, a volta das contribuições, e afinal, isonomia faz parte de da historia do BB e PREVI(pelo menos teria que ser). Temos que fazer algo.

Anônimo disse...

Prezado Carvalho,
alerta máximo !
li que a ANABB publicou artigo do Correio Braziliense em que se comenta o assunto 'bônus' para a Diretores da Previ.
se nós generalizarmos a coisa, vamos ver como é errado isso daí. Eu pergunto, que tal os Diretores do Fundo Petrus receberem 'bônus' a título de periculosidade, mesmo sem trabalhar nas Plataformas ??
essa decisão descabida terá de cair ou então cada EFPC terá regra própria, em prejuízo de aposentados e pensionistas.
existe coleta de assinaturas avaaz sobre o tema (blog Sr.Ari).
abr.

Anônimo disse...

Prezado Carvalho, a Rosalina teve uma grande iniciativa, mas encontrou obstáculos conforme resposta da PREVIC, eu pergunto estes obstáculos podem ser superados e a correspondência ser reencaminhada? espero que todos ajudem e se unam, quanto mais pedidos enviados mais provamos a nossa força política.Parabéns pela prova de bom caráter!(de se esperar é claro)

Anônimo disse...

Sr Carvalho sem palavras para o tal do bônus que "não interfere no nosso pagamento"...isso é ridículo..Por favor peço agora como ultima saída imediata, um empréstimo emergencial separado dos outros.Não é o correto mas é para sobrevivência.Por favor é urgente.

Anônimo disse...

Prezado Carvalho, o colega anonimo tem razão, não aguentaremos até novembro com tantas dívidas que só vão aumentando e se chegar novembro e o ES não alterar nada? Aí a bola de neve já aumentou. Será que a PREVI não poderia já antecipar a restruturação de novembro só para nos aliviar?

Anônimo disse...

Depois desse abuso chamado bônus acho um absurdo ficarmos implorando empréstimos, alongamento do prazo, etc que só aumentam nosso endividamento. É hora de exigir o nosso "Bônus".

NIVALDO ELIAS DOS SANTOS disse...

CONSIDERANDO QUE TODAS AS OUTRAS AFABBs DEVAM TOMAR A MESMA PROVIDENCIA DA AFABB-RS, COPIO ABAIXO, MENSAGEM ENVIADA AO SR. RUBENS RODRIGUES COSTA, PRESIDENTE DA AFABB-SP, RATIFICANDO CONVERSA TELEFONICA QUE TIVEMOS HA 3 DIAS ATRAS. POR FAVOR, PUBLIQUEM. OBRIGADO.

" FAVOR, PARA O URGENTE CONHECIMENTO DO PRESIDENTE, SR. RUBENS RODRIGUES COSTA

DE: NIVALDO ELIAS DOS SANTOS (ASSOCIADO AFABB-SP)


SR. RUBENS, CONFORME CONVERSAMOS VIA FONE HA 3 DIAS ATRAS, ENVIO-LHE ABAIXO O COMPROVANTE DA ATITUDE QUE A AFABB-RS ESTAH TOMANDO CONTRA OS ATUAIS DESMANDOS NA PREVI.
CONFORME TAMBEM COMENTAMOS NAQUELA OPORTUNIDADE, GOSTARIAMOS DE SABER, NOS OS ASSOCIADOS DA AFABB-SP, QUAIS ATITUDES QUE O SENHOR E SUA DIRETORIA TAMBEM TOMARAO A RESPEITO DESSES ASSUNTOS QUE ESTAH ANGUSTIANDO MUITO OS APOSENTADOS E PENSIONISTAS DA PREVI.
CONVERSANDO COM VARIOS COLEGAS, CONCLUIMOS QUE AS ATITUDES DEVEM SER BASTANTE INCISIVAS, TAL COMO ESTAH FAZENDO A AFABB-RS, POIS SIMPLES DECLARACOES DE REPUDIO AOS ATOS DOS DIRETORES DA PREVI NAO SURTIRAO EFEITO ALGUM JAH QUE ESSAS PESSOAS NAO ESTAO PREOCUPADAS CONOSCO COMO LHES EH DEVIDO POR OBRIGACAO.
A NOSSA SUGESTAO, DE ASSOCIADOS, EH QUE NOSSAS ASSOCIACOES REALMENTE RECORRAM A INSTANCIAS QUE OBRIGUEM A ATUAL DIRETORIA DA PREVI A TOMAR ATITUDES QUE BENEFICIEM OS APOSENTADOS E PENSIONISTAS (JAH QUE ESSA EH A FUNCAO PRIMORDIAL DO FUNDO DE PENSAO) E DEIXEM DE ADVOGAR EM CAUSA PROPRIA, PREOCUPANDO-SE SOMENTE COM O ENRIQUECENDO FINANCEIRO DE SEU QUADRO ADMINISTRATIVO E SEUS DITOS "EXECUTIVOS".
POR FAVOR, SE PUDER NOS ENVIAR, POR MEU INTERMEDIO, ALGUMA INFORMACAO DA AFABB-SP, EU AGRADECO MUITO, POIS TEMOS UM GRUPO DE APOSENTADOS QUE SE REUNIRA NO DIA 23 DE AGOSTO (SABADO) EM MINHA CASA PARA DEBATERMOS TODOS OS ASSUNTOS PERTINENTES.
OBRIGADO PELA ATENCAO QUE POSSA NOS DISPENSAR,
NIVALDO ELIAS DOS SANTOS
TEL. (11) 9.7271.4104 / E-MAIL: craureli@uol.com.br

AFABB-RS - ATITUDE TOMADA E MUITO APLAUDIDA PELOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS DA PREVI:

quinta-feira, 14 de agosto de 2014


AFABB-RS repudia os Bônus



A AFABB-RS, em reunião de Diretoria realizada em 13.08.2014, decidiu, com relação à PREVI, o seguinte:

1º - Pedir maiores esclarecimentos a respeito do pagamento da remuneração variável à diretoria, tendo em vista que a nota divulgada no site da entidade é confusa e omissa.

2º - Manifestar repúdio com a utilização do voto de minerva pelo Presidente do CD, representante do patrocinador, para beneficiar diretores oriundos do BB, decidindo em causa própria, em flagrante conflito de interesses.

3º - Manifestar inconformidade com a falta de transparência da PREVI, contrariando normas da Previdência Complementar, não levando ao conhecimento dos participantes, de maneira clara, a política de remuneração da diretoria do fundo de pensão.

4º - Manifestar sua indignação pelo fato desse pagamento dos bônus ter sido ordenado no momento em que os participantes amargam a perda do BET e o retorno das contribuições.

5º - Manifestar seu entendimento de que esse pagamento deve ser bloqueado, porque contraria o equilíbrio do fundo e está baseado num fundamento equivocado de que fundo de pensão sem fins lucrativos é igual à instituição financeira. Dessa forma, se o pagamento for legal – o que não parece - no mínimo ele é imoral, porque fere princípios éticos.

6º - Manifestar sua convicção de que os diretores eleitos de maneira nenhuma devem aceitar esses bônus, pois não possuem a aprovação, expressa nem tácita, dos participantes.

7º Manifestar que lamenta que a diretoria da PREVI não tenha debatido um tema tão controvertido com os participantes, em suas andanças pelo país por ocasião da apresentação dos números do balanço e do relatório da gestão.

Porto Alegre, 14 de agosto de 2014



A Diretoria



Anônimo disse...

Enquanto isso, nós pobres endividados e sem MC, vamos ficar sem salário mais um mês. O débito do ES já foi encaminhado para FOPAG e da prorrogação de prazo ninguém fala mais nada.

Angelo Christianini disse...

Hoje recebi a mensagem da Previ e remeti uma sugestão.

Senhor(a) ANGELO AUGUSTO CUNHA CHRISTIANINI

A PREVI confirma o recebimento da mensagem abaixo.
Aguarde nosso retorno em breve.

Gerência de Atendimento
PREVI

Esta mensagem é automática e seu retorno não é monitorado.

__________________________________________________________

Data: 15/8/2014
Tipo: Sugestão

Mensagem: Se os diretores e o presidente são indicados pelo Banco do Brasil para serem representantes dos interesses do Banco, o Banco que deveria ser o responsável pelo pagamento desses representantes,
pois os representantes da Previ deveriam representar seus associados, e zelar pelos seus interesses, e não legislarem em causa própria e pelos interesses do BB.

A questão não é o que está estabelecido e sim o que é moralmente correto. Se torna ultrajante o pagamento desses Bônus, quando há uma grande parcela de aposentados e pensionistas sofrendo pelo corte do BET e retorno da contribuição. O que é um absurdo estar aposentado e continuar contribuindo depois de uma vida toda de contribuição para uma aposentadoria tranquila e o BET deveria ter sido incorporado e não retirado.

O que se espera da diretoria da PREVI é que ela nos represente, focando sempre nos interesses do aposentado ou futuro aposentado. Faça uma gestão transparente e calcada em resultados, que gerem bônus, como gratificações merecidas ou ônus, como afastamento dos administradores que não derem resultados positivos. É necessário lembrar que todos devem ganhar, não só um grupo restrito.

Toda a diretoria da PREVI é hoje contribuinte ou já é aposentado, que no caso continua contribuindo, então deve ser alinhada ao pensamento corporativo de um mesmo grupo e lutar por esses interesses comuns, é preciso que a voz que grita por mudanças seja ouvida por nossos representantes que estão em posição de mudar o estabelicido e estes hoje diretores, saibam que hoje estão diretores mas que também fazem parte desse corpo associado e são esses interesses que devem predominar.

Grato.

Angelo Christianini


Matrícula: 755170
Nome: ANGELO AUGUSTO CUNHA CHRISTIANINI
E-mail: futchos@hotmail.com

fernando disse...

Caro Carvalho, esse voto de MINERVA, é como bater em bêbado. É uma falta de respeito com o corpo de associados da PREVI. E pior, votar em benefício próprio? Pode isso? Quem é esse cara? Será que dorme à noite?

Anônimo disse...

Carvalho, lembro-me muito bem que quando dos 200 anos do BB,o Banco concedeu um bônus a todos os seus funcionários .Willian Bento levou sua proposta à Previ para q a mesma repassasse esse bônus aos aposentados.A proposta nao logrou êxito,pois infringia os regulamentos da Previ, que como caixa de previdencia,tem como primícia o pagamento de benefícios a seus contribuintes.Nao havia também reserva provisionada para tal feito.E agora,existe reserva provisionada para o pagamento desses abonos milionários a esses diretores?? Revoltante!!Temos mesmo que protestarmos,ainda mais agora quando nos cortaram o Bet, retornaram as cobranças das contribuicoes e nos negaram um ES que atendesse a todos.

Antonio Carvalho disse...


-Por mais que me esforce não consigo responder todos os e-mail tempestivamente.
-Para receber denúncias e reclamações a PREVIC exige formalidades.
- Até o momento não houve manifestações da Diretoria de Seguridade sobre sugestões enviadas para compor empréstimos simples.
Carvalho