quarta-feira, 3 de setembro de 2014

PREVI - NOTICIA INVERÍDICA



Colegas,
Até onde EU sei é inverídica a notícia de compras de títulos da dívida da Argentina, no âmbito da PREVI.
Sobre o assunto, reproduzo abaixo,  informações divulgadas no site da PREVI.
Abraço,
Carvalho.

“PREVI esclarece informação improcedente sobre títulos da dívida argentina
Em função de matéria publicada pelo jornal argentino Clarín, em 30/8/2014, sobre uma suposta negociação de títulos da dívida argentina por parte de fundos de pensão brasileiros, a PREVI tem sido demandada pela imprensa e identificado dúvidas de alguns participantes, quanto à veracidade da informação.

Para evitar especulações indevidas e melhor esclarecer nossos associados, ressaltamos que a Entidade não possui, não está negociando e nem pretende utilizar esse tipo de investimento. Além disso, a classificação de risco daquele país não nos permitiria fazer qualquer aplicação dessa natureza.

Os investimentos e desinvestimentos dos ativos dos planos administrados pela PREVI são realizados em consonância com as Políticas e normas vigentes, bem como divulgados sistematicamente pelos veículos de comunicação oficiais e pelo Relatório Anual.”

19 comentários:

Anônimo disse...

COLEGAS:

Matéria reproduzida integralmente conf. Link público:
http://adairosembak.blogspot.com.br/2014/09/acao-de-medida-cautelar-contra-o-bonus.html

quarta-feira, 3 de setembro de 2014
Ação de Medida Cautelar contra o Bônus - AFABB-BA, presidida por Pedro Paulo Portela Paim
Esta matéria nos foi encaminhada pela Companheira Marta E.T. Balbi
COM ENTUSIASMO REGISTRAMOS A NOTÍCIA DA AÇÃO DE MEDIDA CAUTELAR
PROPOSTA PELA AFABB(BA) DEFERIDA EM 02 DE SETEMBRO DE 2014.
CONCLAMAMOS QUE DEMAIS ASSOCIAÇÕES SIGAM O MODELO DESTA ACERTIVA.
TODOS UNIDOS, COM CERTEZA, É RUMO À VITÓRIA !
PARABÉNS AFABB SALVADOR E EXTENSIVO AOS ADVOGADOS.
CONGRATULAÇÕES,
MARTA BALBI


ADV: ANDRE LOPES SANTOS (OAB 32072/BA), CARLA WANESSA DA SILVA COSTA (OAB 36242/BA) - Processo 0546903-33.2014.8.05.0001 - Cautelar Inominada - Liminar - AUTOR: ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS DO BANCODO BRASIL DA BAHIA - AFABB-BA - RÉU: Caixa de Previdencia dos Funcionarios do Banco do Brasil - PREVI –
Defiro opedido de medida cautelar, eis que, no caso em exame,
satisfeitos os requisitos legais pertinentes. Como consabido, osrequisitos necessários para se alcançar providência de natureza cautelar são o fumus boni juris e o periculum in mora.Trataseo fumus boni juris pela plausibilidade do direito substancial invocado por quem pretende a segurança .Incertezas ou imprecisões acerca do direito material do postulante não podem assumir a força de impedir-lhe o acesso à tutela cautelar.
Caso, em um primeiro momento, a parte tenha possibilidade de exercer o direito de ação e se o fato narrado, em tese, lhe
assegura provimento de mérito favorável, presente se acha o fumus boni juris, em grau capaz de autorizar a proteção das
medidas preventivas. No que toca ao periculum in mora, há de se vislumbrar um dano potencial, um risco que corre o
processo principal de não ser útil ao interesse demonstrado pela parte. O receio não se funda em simples estado de espírito
do requerente, mas sim se liga a uma situação objetiva, demonstrável através de algum fato concreto.Assim, o perigo de dano próximo ou iminente é, por sua vez, o que se relaciona com uma lesão que provavelmente deva ocorrer ainda durante
o curso do processo principal, isto é, antes da solução definitiva ou de mérito. Analisando os fatos descritos na inicial à luz dos requisitos sobreditos, resta certo merecer o pedido nela formulado acolhimento, eis que, SÃO GRAVES os fatos que segundo a inicial, estão na iminência de ocorrer, pagamento de valores significativos que a autora, entidade representativa dos aposentados questiona. Ata da autora que se encontra nos autos inclusive deliberou o temor no particular. Com efeito,ocorrendo o pagamento de vultosa quantia aos DIRETORES da PREVI, poderá sofrer esta danos irreparáveis. Observa-se,por oportuno, que dos 06 diretores a serem beneficiados, 03 se posicionaram contra. Voto de Minerva como dito na inicial.
QUESTÃO, pois, POLÊMICA. POSTO ISSO, com base nos arts.798,799 e 804 do Código de Processo Civil, defiro a liminar
pretendida, conforme inicial, para o fim de obstar a que a ré CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO
BRASIL - PREVI se abstenha de proceder ao pagamento do BONUS DE R$500.000,00 (quinhentos mil reais) aos seus
DIRETORES, até ulterior deliberação deste Juízo, sob pena de multa de R$500.000,00 (quinhentos mil reais). Intime-se.
Cite-se. Salvador(BA), 02 de setembro de 2014. Osvaldo Rosa Filho Juiz de Direito


Oracides Garbini disse...

Espero que seja verdade. Não queremos arcar com os prejuízos de um ativo deteriorado. Não se sabe quando a Argentina sairá futuro.dessa crise, por isso é bom não arriscar nada por conta do

Anônimo disse...

Marcela Pagano disse:

..."Por que os brasileiros iriam querer ficar com a dívida da Argentina em mãos dos abutres?

“Porque eles têm uma grande quantidade de títulos soberanos argentinos e também investiram em ações de empresas locais. Se a Argentina continuar em default e o acordo que o mercado espera que surja antes do fim do ano não for alcançado, então esses ativos financeiros desabarão gerando grandes perdas para os fundos”, explica uma fonte que seguiu de perto as negociações dos holdouts."

Então os Fundos PREVI, Petros e BNDES já detinham títulos podres?

Quem autorizou aquisição de títulos da Argentina que está em QUEDA LIVRE há vários anos?

Marcelino MAUS

Anônimo disse...

Conselheiro Titular do Deliberativo da Previ.

Sua proposta em relação a composição das dividas dos endividados, foi negado pela área técnica da Previ, lotada na Diretoria de Seguridade.

Maiores informações segundo seu comentário sera formulado pelos meios de comunicação da Previ oportunamente.

Mas e a REVISÃO DO EMPRÉSTIMO SIMPLES em Novembro/2014, sera feito como falado anteriormente, ou novas condições apenas em Novembro de 2015.

Esta sua proposta era apenas para correção dos que ficaram de fora da renovação FLEXIBILIZAÇÃO.

Decorridos mais de 93 dias no Cargo a chapa 3 não mudou nada em relação as melhorias do ES, ao Atendimento da Previ que continua precário, apenas informou ao mundo sobre o MEGA BÔNUS que executivos vão receber.

Da eleição para a posse o discurso mudou, agora estamos tentando, não prometemos, mas vamos lutar, e outros que com o passar dos 4 anos, mais e mais desculpas serão postuladas,para enganar ao eleitorado.

Eu não acredito mais na Previ, teria sido melhor o resgate das minhas reservas e ter investido em aluguel ou outros que me desse uma melhor qualidade de vida no final da minha vida.

Como o colega Rogério, também não vou mais incomodar o colega com perguntas, sem respostas, mas meu voto nenhuma chapa mais leva, pois não tem poder de decisão, são verdadeiros marionetes, ganhando bons salários e conselhos em empresas participadas, nada mais que isso, apenas os integrantes das chapas engorda seus ganhos e seus lucros, enquanto uma população de aposentados e pensionistas morre sem a devida falta de cuidados.

Quero crer que ao longo dos vossos mandatos me corrija desta minhas palavras, mas verdadeiramente não acredito, pois o discurso da posse e hoje a realidade já é bem diferente.

Divino Maciel Lemos
Brasília DF

Cláudio Augusto Falco disse...

É os associados, assistidos e pensionistas do POSTALIS (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos), estão amargando um prejuízo enorme com recursos aplicados na dívida Argentina, e com toda certeza não foram eles quem decidiram por tal aplicação.
Quiça, o Mantega, não estaria tentando diluir o prejuízo do POSTALIS, as custas da PREVI, PETROS e BNDES.

Marco Orlando disse...

Carvalho,
Em seu post anterior, solicitei informações sobre minha sugestão encaminhada por voce a colega da Anabb Tereza Godoy, sobre a liquidação das ações 1/3 PREVI por valores incontroversos.
Meu pedido não foi publicado (não entendi o porquê) e não recebi resposta.
Aguardo.
Um grande abraço.
Marco Antonio Orlando

Anônimo disse...

A Previ não reúne condições para compor com os aposentados que se encontram em situação difícil, mas para conceder o bônus, nem que seja com o voto de minerva está tudo ok.
A análise da proposta foi meteórica: um sonoro NÃO.
Esperamos a ajuda de Deus, pois com a Diretoria da Previ jamais poderemos contar.

NIVALDO ELIAS DOS SANTOS disse...

ESPERO QUE ESSA POSTAGEM SEJA CORAJOSAMENTE PUBLICADA.
COLEGAS, NAO ACHAM ESTRANHO QUE OS COMPONENTES DA CHAPA 3 NAO RESPONDEM NADA QUANDO POSTAMOS NOSSA SITUACAO DESESPERADORA, PEDINDO QUE ELES TOMEM PROVIDENCIAS EMERGENCIAIS COM PRIORIDADE AAS SUAS FUNCOES QUE OCUPAM NA PREVI? NAO LHES PARECE QUE ELES TAMBEM NAO ESTAO NEM UM POUCO PREOCUPADOS COM A NOSSA SITUACAO? PARECE-ME QUE O SR. CARVALHO "ENVIAR SUGESTOES" AA DIRETORIA DA PREVI EH UMA ATITUDE INOQUA. SERAH QUE REALMENTE ELES (OS ELEITOS DA CHAPA 3) NAO TEEM QUALQUER FORCA DENTRO DA PREVI OU SERAH QUE ELES SOMENTE ESTAO COLOCANDO "PANOS QUENTES", COMPACTUANDO COM A INSENSIVEL DIRETORIA DA PREVI? TODOS ELES FALAM QUE ESTAO MUITO OCUPADOS E "BATALHANDO" POR NOS, MAS A BATALHA PRIMORDIAL NO MOMENTO EH SIM UMA SOLUCAO PARA NOSSA SITUACAO DE NECESSIDADE DE SOBREVIVENCIA HOJE, AGORA.
PRIMEIRO ELES DEVERIAM NOS DAR SOCORRO E DEPOIS SIM, TENTAR SOLUCOES PARA O FUTURO.
SE ESSE PESSOAL ELEITO DA CHAPA 3 NAO TEEM QUAISQUER VOZ ATIVA NA PREVI, ENTAO QUAL A FUNCAO DELES? FAZER TRABALHOS BUROCRATICOS E PREENCHER VAGAS ADMINISTRATAIVAS, PARTICIPAR DE REUNIOES, VIAJAR, ETC., ETC.? NAO DARIA NAO PARA BATALHAR E BRIGAR POR RESOLUCAO EMERGENCIAL A NOS QUE ESTAMOS LUTANDO PELA SOBREVIVENCIA E SOH DEPOIS CUIDAREM DE OUTROS AFAZERES?
ALEM DA "SUGESTAO" ("SUGESTAO" NAO EH NESSE CASO UMA ATITUDE DESCOMPROMISSADA?) DE MELHORA NO E.S. DO SR. CARVALHO, QUEM MAIS FEZ ALGUMA COISA? " SUGESTAO" NAO ME PARECE UMA COISA EFICAZ POIS A LOGICA EH QUE A DIRETORIA DA PREVI NUNCA VAI ACATA-LAS, POIS NAO LHES INTERESSA.
CADE A DIRETORA CECILIA? AS RESPOSTAS QUE ELA DAH EM SEU BLOG SAO SEMPRE AS MESMAS, SEMPRE "CONCORDANDO" E "EXPLICANDO" TUDO QUE A DIRETORIA DA PREVI FAZ, CONCORDANDO COM TUDO E SEMPRE SE DIZENDO MUITISSIMO OCUPADA COM A NOVA FUNCAO?.
ESTOU REALMENTE DESANIMADO E VEJO QUE OUTROS COLEGAS FICAM JOGANDO "CONFETES" NO PESSOAL DA CHAPA 3 SOH PARA MANTER A ESPERANCA DE DIAS MELHORES. MAS SE NEM ASSUNTOS EMERGENCIAIS ELES CONSEGUEM SOLUCIONAR, QUEM DIRAH OUTROS ASSUNTOS MAIS COMPLEXOS? VOCES CONCORDAM COMIGO?
MEUS AMIGOS, NAO ADIANTA FICARMOS DE CHAPEU NA MAO E DE JOELHOS DIANTE DA PREVI E DAS PESSOAS QUE ELEGEMOS NA GRANDE ESPERANCA DE QUE TERIAMOS "UMA VOZ" LA DENTRO DA PREVI. VAMOS SER REALISTAS: ESTAMOS SOZINHOS, DESAMPARADOS E A MERCE DO FUNDO QUE NOS PERTENCE MAS QUE SOH FAVORECE OS QUE O ADMINISTRAM. VOCES NAO ESTAO CANSADOS DAS SEMPRE "MESMAS EXPLICACOES TECNICAS"?
ESTAMOS SO-ZI-NHOS.
POR FAVOR, ALGUM DE VOCES DA CHAPA 3 PODERIA ARRUMAR UM TEMPINHO E ME RESPONDER A ESSAS MINHAS QUESTOES? SERIA UM ATO URBANO E HUMANO. SE PUDEREM, MEU MUITO OBRIGADO ANTECIPADAMENTE.
NIVALDO SANTOS

Antonio Carvalho disse...

Prezado Divino:
Até entendo o seu desabafo mas, registro que não estamos parados.
Podemos até não conseguir mas vamos lutar. O que mais podemos fazer, além de continuarmos na luta. Sendo Você o conselheiro, faria o que?
O tempo dirá!
Abraço,
Carvalho.

Antonio Carvalho disse...

Marcos:
Sobre ações Imposto de renda 1/3 Previ farei uma postagem, reproduzindo informações que obtive da ANABB, onde cada um deve procurar informações em caso de ações individuais.
Carvalho.

Anônimo disse...

Caros colegas, é UM ABSURDO !!!
Clique no linque abaixo, por favor:

http://veja.abril.com.br/multimidia/video/marginais-do-pt-saquearam-a-petrobras-diz-villa

Anônimo disse...

A máscara agora, caiu de vez. Isto nos ensina, que nem tudo que reluz é ouro.
Comprem a VEJA desta semana.

Anônimo disse...

Colegas endividados,

ESQUEÇAM DO ES. TEMOS QUE MUDAR O FOCO, VAMOS LUTAR POR BENEFÍCIOS JUSTOS. VEJAM A CARTA QUE JOÃO ROSSI NETO, ESCREVEU PARA O PRESIDENTE DA PREVI. É POR ISTO QUE TEMOS QUE LUTAR, POIS ISTO É QUE DAR-NOS-Á DIGNIDADE. EMPRÉSTIMO NÃO VAI FAZER ISTO. CONSULTEM A ANAPLAB COM RELAÇÃO A AÇÃO 30% CONSIGNADO. SABEM QUANTO RECEBI LÍQUIDO DA PREVI EM JULHO E AGOSTO? MENOS DO QUE UM SALÁRIO MÍNIMO EM CADA MÊS.EU QUERIA EMPRÉSTIMO SIMPLES, MAS AGORA NÃO QUERO MAIS.

Rosalina de Souza disse...

Prezado Conselheiro Carvalho,

Decorridos 3 meses da eleição na chapa 3 previ livre forte e de todos, que apoiei com muito esmero e dedicação, acreditando em chances reais de melhorias para um grupo de endividados e com extrema dificuldades financeiras,não produziu frutos, e acredito que sera como mamão macho que solta as flores, mas não segura carga.

Estou tão desiludida, desmotivada e sem esperança no futuro, que acredito na frase:

Pau que nasce torto, morre torto, o Advogado Dr.João Rossi Neto, nosso colega, fez postagens informando que nada mudaria, fosse qual fosse a chapa vencedora, a Previ é MUDA, SURDA E CEGA.

Muda porque sabe da nossa situação de penúria total, desespero de muitos colegas aposentados, pensionistas do PB-1.

Surda porque escuta os gritos de socorro, mas a reserva dos 25% não esta completa, porque em 2015, vamos tentar pelo menos não pagar as contribuições, porque esse beneficia o Patrocinador BANCO DO BRASIL S/A.

Cega porque não denuncia, não cobra dos agentes públicos GOVERNO FEDERAL uma proposta, uma solução definitiva para esse problema do endividamento, que resolva esse jogo de empurra, mas prefere jogar a culpa nos pobres do endividados, na gastança que produzimos na época das vacas gordas.

Foram mais de 10 anos, para chegar a verdadeira calamidade, e agora as desculpas são amplas: Não prometemos, mas vamos lutar, não podemos falar apenas de ES, enquanto temos outros assuntos dos mais variados, a campanha me desgastou e a administração toma tempo e energia, os demais falar o que, entraram mudos e permanecerão mudos até o fim do mandato.

Se a chapa 3 não promoveu um pacto para resolver os nossos problemas, que é todos relacionados a DINHEIRO, a fonte secou, não temos onde mais arrumar dinheiro, os contra cheques estão atolados em dividas,descontos e mais descontos, o BET findou antes do previsto e acordado, as promessas de melhorias todas depende de SUPERAVIT acima dos 25%, que resultado pratico temos a nosso favor?.

O Conselheiro Carvalho, ainda diz, o que faríamos no seu lugar?

Faria a mudança necessária para melhorar a nossa vida de verdade, ou então pedia RENUNCIA DO MEU MANDATO,forçaria novas eleições, ou mudança no forma como age o maior fundo de pensão e mais CANALHA DE TODOS.

Pedia a intervenção já que os ELEITOS não mada me nada mesmo.

Carvalho pode publicar, como pode moderar, mas uma coisa é certa é minha ultima participação em blogs, estou em nojada desta situação, destas mentiras que é para ganhar uma eleição e depois simplesmente vira as costas para todo a população com desculpas intermináveis.

Quem necessitar falar comigo daqui para frente é através do ROSALINAPENSIONISTA@GMAIL.COM e ou VHSPASSINI@UOL.COM.BR.

Atenciosamente

Rosalina de Souza
Pensionista
Matricula 18.161.320-4

Antonio Carvalho disse...

Prezados:
Este blog, apesar de democrático, aceitar críticas e sugestões, não se presta a receber mensagens com insultos e provocações. Ao ser criado foram divulgadas as regras, que podem ser visualizadas no quadro superior da página de abertura, abaixo transcritas:
"Serão eliminados os comentários que:
1 - Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
2 - Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
3 - Contenham links de qualquer espécie;
4 - Contenham qualquer tipo de material publicitário;
5 – Contenham ataques ou defesas pessoais relacionadas a políticas partidárias e religiões;
6 – Divulgação de informações falsas e difamatórias".
- Até entendo e publico alguns desabafos de colegas e aqui EU cito particularmente a Rosalina e o Nivaldo. Entendo o desespero daqueles com elevado grau de endividamento e que buscam solução via empréstimos. Tento soluções mas sem sucesso. Nenhum dirigente sozinho tem poder de mando na PREVI. Em respeito aos colegas citados comento:
-Não é verdade que aprovamos tudo que nos apresenta. Prova disto foi o nosso voto contrário ao pagamento do bônus variáveis aos dirigentes e que estamos lutando para mudar a politica remuneração, desvinculando do Banco. Insisto que a PREVI funciona com base na legislação inerentes aos fundos de pensão. Mudanças relevantes só irão ocorrer alterando leis, resoluções, estatutos, regulamentos, etc e isto não se faz do dia para noite como alguns imaginam e acreditam que podemos tudo. A gestão é compartilhada e o Banco tem o voto de minerva.
- Temos lutado desde o primeiro dia de nossa posse e vamos fazer a diferença. Aliás já estamos fazendo. Estamos formatando propostas para melhorar a gestão e a governança em benefício de todos os participantes a serem apresentadas e defendidas no âmbito da Diretoria e do Conselho, muitas das quais somente se materializa se houver concordância do Banco e do Governo. Esta é a regra em vigor. Não vai mudar em toque de caixa como alguns imaginam porque depende de vários atores, fora da PREVI, inclusive do congresso nacional. Do outro lado a justiça é morosa e incerta.
-Não estamos parados, e não somos omissos, colegas. Um detalhe: Podem revirar minhas mensagens de campanha. Verão que nunca prometi resolver em 3 meses e nem em 4 anos problemas criados ao longo de décadas. Sempre destaquei que a gestão era compartilhada e que teríamos muitos desafios e obstáculos. Nunca fui de enganar quem quer que seja. Tenho uma história, princípios e crenças.
- Finalmente reafirmamos que continuaremos lutando durante do primeiro dia da posse até o último dia dos 4 anos de mandatos por todos os temas divulgados em nossa campana. Já estamos apresentando propostas ao Conselho, objetivando melhorias de gestão e de benefício para todos os participantes. Críticas construtivas e sugestões serão sempre bem vindas. Comentários com insultos e provocações não mais serão publicados. Preferimos trabalhar com agendas positivas.
Respeitoso abraço a todos e especialmente aos colegas Nivaldo e Rosalina.
Carvalho.

Anônimo disse...

Penso que o fato de o colega Carvalho ter que intervir da forma que o fez (06/09 13:19) deve-se muito a um fato contumaz na vida política do país.
Os eleitores pensam que seus eleitos tem o poder de, sozinhos, mudarem décadas de erros acumulados. Colegas esclarecidos do BB não podem fazer questionamentos sem antes sopesar todos os aspectos que envolvem essa difícil relação com a PREVI e o patrocinador. É preciso ter paciência e manter-se atento ao trabalho formiguinha. Um dia, mais cedo ou mais tarde, tenho esperança que as boas leis prevalecerão em nosso favor.

NIVALDO ELIAS DOS SANTOS disse...

CARO CARVALHO, OBRIGADO PELA RESPOSTA, POREM PELO QUE LI DA SRA.ROSALINA E RELI A MINHA POSTAGEM, NAO ACHO PARTICULARMENTE QUE INFLINGIMOS QUAISQUER DAS NORMAS DO BLOG QUE FORAM LISTADAS.
TAMBEM NAO FOI DITO QUE VOCES ASSINAM TUDO QUE APARECE.
NO QUE SE REFERE AOS 3 MESES DE MANDATO, ACREDITO QUE ESTAO TRABALHANDO CONTRA OS PROBLEMAS QUE CORROEM A PREVI AO LONGO DE DECADAS.
OQUE ESTAMOS RECLAMANDO EH QUE VOCES ELEITOS PELO NOSSO ESFORCO E POR NOSSOS VOTOS PODERIAM SIM ATACAR DE IMEDIATO OS PROBLEMAS QUE ESTAMOS SOFRENDO HOJE, RECORRENDO ATEH A PRESIDENCIA DA REPUBLICA SE FOR PRECISO OU A OUTRAS MANEIRAS, EFETIVAMENTE PARA ESSA EMERGRNCIA DE HOJE.
POR FAVOR PAREM DE DIZER QUE SOMOS INDIVIDADOS.
EU PESSOALMENTE FIZ UMA CIRURGIA PARA RETIRADA DE UM CANCER E ESTOU FAZENDO FISIOTERAPIAS E TRATAMENTOS PALIATIVOS QUE ESTAO SURTINDO ALGUNS EFEITOS E QUE NAO SAO PAGOS PELA CASSI E QUE CUSTAM DINHEIRO. A DEFASAGEM DE QUASE 25% DE MEU SALARIO COM A RETIRADA PREMATURA DO BET E A VOLTA DAS CONTRIBUICOES NO AUGE DOS MEUS MAIS ALTO GRAU DE CUSTAS PARA TENTAR ME CURAR EH QUE TEM ME DESESPERADO.
NEM TODOS OS IDOSOS E PENSIONISTA DA PREVI QUE ESTAO SUFOCADOS PODEM SER PEJORATIVAMENTE DE ENDIVIDADOS.
POR FAVOR, PECO TAMEM QUE PAREM DE NOS TRATAR ASSIM. POSSO ABRIRR-LHE MINHA CONTA BANCARIA E MEU HOLLERITH E O BALANCO DOS MEUS GASTOS PARA PROVAR ISSO. TENHO DESPESAS E NAO DIVIDAS.
SAUDACOES.

NIVALDO ELIAS DOS SANTOS disse...

SR CARVALHO, SOLICITO QUE PUBLIQUE MINHA ULTIMA POSTAGEM PARA QUE OS DEMAIS COLEGAS QUE LEEM SEU BLOG E QUE ME CONHECEM NAO VENHAM A PENSAR QUE ESTOU ENDIVIDADO, OQUE NAO SERA UM CRIME, MAS NAO SE TRATA DE VERDADE.
OBRIGADO,
NIVALDO ELIAS DOS SANTOS

fermando disse...

Prezaco colega Carvalho, aproveitando o gancho do colega Marco, estamos numa sinuca de bico sobre a ação de 1/3 de Imposto de Renda (periodo 89/95). A receita federal, reconheceu como legítimo a devolução dos últimos anos.,quem se aposentou em 2008, até o ano 2013. Tenho, uma ação coletiva da Anabb, sobre o assunto. Na folha já depositado em juízo, desde out 2011, parte do IR retido por conta da ação. Só que não se vê solução imediata. Acho tanto como a PREVI, RECEITA FEDERAL e ANABB e outras associações. sentarem na mesa, para dar um fim. São milhares de ações, com, embargos, mais embargos, que não é bom para nehuma parte, com custos advogatícios, sem falar no nosso arrocho , com corte do BET, volta das contribuições. Era isso. Já repassei à ANABB a mesm reividicação.