sábado, 30 de maio de 2015

PREVI - ENCONTRO DE ENTIDADES DO SUL DA BAHIA

Compareci ao evento da AFABBI – Associação dos F. Aposentados do BB de Ilhéus – junto com outras Entidades do sul da Bahia, realizado em Ilhéus, no dia 27 de maio. Perguntado pelos Colegas, esclarecemos vários assuntos, dentre os quais:
- Interferência do Governo na PREVI- A Governança na PREVI é blindada. É referência. A gestão é profissional. As decisões são colegiadas. Muitas decisões passam por Comitês, que emitem Pareceres Técnicos, tanto na Diretoria como no Conselho.
- Bônus dos Diretores: Não serão mais pagos. Em maio o Conselho desvinculou a remuneração da PREVI da do Banco e criou regras para eventuais pagamentos de honorários variáveis. Mais informações serão divulgadas pela PREVI e serão objeto de maiores comentários e esclarecimentos. Aguardem.
- Teto de Benefício: Encontra-se no Conselho. Acreditamos que será resolvido até julho. Minha posição continua a mesma. Teto igual ao maior salário do Banco, conforme aprovado em 2008.
- BET: Pela Lei 109/2001, deveriam ter sido revisados os Benefícios. A Resolução CGPC 26/2008 propiciou o BET, com imposição de repasse de recursos para o Banco. Tivesse cumprida a Lei, haveria em 2010, reajuste de benefícios em torno de 15%.
- Melhoria nos reajustes dos Benefícios: Pautei no Conselho em 2014 mudanças nas regras. A proposta saiu de pauta por força da resolução 26/2008. Enquanto não for alterada, não há como melhorar benefícios. Devemos continuar lutando para aprovação do PDS 275/2012 que objetiva anular artigos da resolução. Além do mais, melhorias de benefícios dependem de reserva especial, (superávit acumulado maior que 25% da reserva matemática). Em 2014 houve déficit de R$ 12,2 bilhões. Porém, o superávit acumulado foi de R$ 12,5 bilhões.  Existiria Reserva especial em 2014, caso o superávit acumulado fosse maior do que R$ 31 bilhões.
- Empréstimo Simples: Os eleitos em 2014 foram contra a aprovação das regras vigentes. A alçada é da Diretoria Executiva. As propostas são formuladas na Diretoria de Seguridade. Lutaremos para revisão dos critérios ainda em 2015.
- Pendências referentes a 7 e 8 horas: Trata-se de ações trabalhistas originadas no Banco, com possíveis reflexos nos benefícios. A ameaça é muito grande. Já me posicionei. A responsabilidade deve ser do Banco. Lutarei neste sentido.
- Despesas Administrativas: Processos serão revistos, com modernização da Tecnologia. Já estão sendo desenvolvidas ações para fazer mais e melhor com menos custo. O Conselho está acompanhando. Para 2015, revisamos o orçamento, com redução de despesas superior a R$ 21 milhões. Desconheço tratativas de demissão de funcionários, acabar com Diretorias e reduzi direitos dos participantes (donos).
- CPI nos Fundos de Pensão: Asseguro que depois da nossa posse inexistem irregularidades do nosso conhecimento. Existem especulações na imprensa sobre a Sete Brasil, por conta da operação Lava Jato. Junto com outros Fundos de Pensão e Bancos a PREVI aportou R$ 180 milhões em 2010, equivalente a 9,9% do projeto inicial. Posteriormente o projeto foi ampliado. A PREVI não aportou novos recursos. Nossa participação ficou reduzida a 2,3%. O Conselho está acompanhando. Também está em evidência o uso das gráficas do Sindicato de São Paulo, conforme divulgado na mídia.
- Voto de Minerva: Pautamos alteração no estatuto para flexibilização. Foi tirado de pauta. Voltaremos oportunamente. Coloquei no radar mudança no estatuto para garantir a permanência de aposentados do plano um na gestão da PREVI.
- Comunicação com Participantes: Aprovamos no Conselho, na reunião de abril, a divulgação institucional de assuntos tratados no Conselho, que não sejam confidenciais e estratégicos, protegidos por Lei. Está em implantação

Abaixo, foto das lideranças de Ilhéus e de Itabuna, com resumo de depoimentos:
Da esquerda para a Direita:

1 - Roberto Miranda: Vice-Presidente da AFABBI. “Em eleições, indique nomes de candidatos”.
2 – Newton Novaes: Representante da AAFBB em Ilhéus. “Excelente o encontro”.
3 – Ivann Motenegro: Presidente da AIABB e representante da AAFBB de Itabuna. “As respostas oferecidas aos questionadores, revestiram-se de grande sabedoria, de fulgurante brilho, de magnífico conhecimento e de indubitável satisfação da expectativa dos que conosco partilharam da reunião. Foi, praticamente, uma verdadeira aula”.
4 – Antonio Bomfim: Presidente do Conselho Fiscal da AFABBI. AIABB. “Ao agradecer, entrego sugestões para reforma do Estatuto.
5 – Jehovah Moura: Presidente da AFABBI. “As explanações facilitaram o entendimento dos assuntos complexos. Perguntas respondidas com segurança e firmeza de posicionamentos. Aguardamos visita do Presidente da PREVI”.
6 – Maruse Dantas: Presidente da AABB de Itabuna e Diretora Regional da ANABB. “Essa não é a primeira vez que recebemos  o ilustre colega, dando notícias esclarecedoras. Agradeço por prestar contas  a quem confiou  no seu trabalho. Sempre fiel,  trabalhador, honesto e atencioso para com todos.
7 – CARVALHO. “É gratificante visitar esta região, agora como Conselheiro da PREVI”.
8 – Nelio Tolentino: Superintendente Regional do Banco do Brasil.”Foi bom reencontrá-lo”.
9 – Wilton Oliveira: Gerente Geral da Agência de Ilhéus.
10 – Rodrigo: Presidente do Sindicato dos Bancários de Ilhéus. “Foram bons os esclarecimentos”.

Nenhum comentário: