domingo, 1 de janeiro de 2017

TETO DE BENEFICIO - FALSA ACUSAÇÃO

Fui levianamente acusado de ter criado um valor diferente, ajudando o Banco a aprovar um TETO DE BENEFÍCIO maior.

Essa infundada acusação, divulgada em diversos canais e redes sociais, foi feita irresponsavelmente pelo e-mail email@compromissocomacassi.com.br, que segundo consulta ao portal (https://registro.br/2/whois#lresp) pertenceria ao "Sindicato dos Bancários de Bragança Paulista", que também publicou a falsa acusação em seu site (http://www.bancariosbraganca.org), retirando-a, posteriormente.

Infelizmente, não é a primeira vez que sou atacado por "anônimos", que, com objetivos eleitoreiros, de forma mentirosa e covarde usam e-mails mascarados, com o único propósito de denegrir minha imagem.

Conforme foi divulgado no site http://www.previ.com.br/menu-auxiliar/noticias-e-publicacoes/noticias/detalhes-da-noticia/previ-aprova-teto-de-complemento-de-beneficios.htm, o Conselho Deliberativo da PREVI aprovou no dia 25/11/2016, por maioria de votos, o teto de benefício de R$ 52.177,45.

Sobre o referido TETO, amplamente divulgado, que se arrasta desde 2008, esclareço que não criei nada de diferente como fui levianamente acusado. O que sempre defendi é do conhecimento de todos que me conhecem e/ou conhecem meus posicionamentos. Tenho sido e sempre serei coerente, convicto e fiel, na defesa da PREVI e dos seus Participantes, ativos e aposentados.

Devo destacar ainda que, não sou, nem nunca fui Diretor do Banco ou da PREVI; e não tive ou tenho qualquer conflito de interesse pessoal na definição do TETO DE BENEFÍCIO.

Aproveito a oportunidade para desejar a todos um FELIZ E MARAVILHOSO ANO DE 2017, com muito Amor, Saúde, Paz e Harmonia.

Antônio José Carvalho
Conselheiro Deliberativo da PREVI

Eleito 2014/2018

3 comentários:

Adaí Rosembak disse...

Caro Carvalho,

Compartilho de sua indignação.
Chegamos a ter uma pequena divergência no passado que foi exposta de forma franca em nossos blogs. É assim que as divergências devem ser resolvidas: Às claras !!
Sou radicalmente contrário a que se levantem calúnias e se façam acusações infundadas.
Isso é igual a um rastilho de pólvora e sem pre deixa marcas na imagem dos caluniados.
Quando houver esse tipo de calúnia, o conselho que lhe dou é que reaja de forma imediata e com rigor.
Tive vários atritos neste blog em relação a defesa de amigos que foram alvos de acusações mentirosas. Isso afeta a vida privada e o convívio pessoal das pessoas.
Penso que reagi à altura frente às infâmias . Mas sempre ficamos magoados.
São uns moleques e covardes.
Assim, deixo-lhe o recado para este 2017: não vacile, vá às últimas consequências na defesa de sua imagem e sua honra.
Queremos paz e um convívio civilizado mas nem sempre isso é possível.

Grande abraço.

E parabéns pela sua atuação e pela sua luta incansável na defesa de nossos interesses e pelo seu valioso blog.

O amigo

Adaí Rosembak

Elmo Ximendes Peres disse...

Prezado Carvalho,
Estou deixando de acompanhar teu blog, por entender que o sr. não nos defende mais e pratica a política do patrocinador, o que eu e mais alguns pares com qual me comunico, lamentamos profundamente. Que Deus lhe abençoe e lhe tire a trava do olho.
Abraços!

joao trindade disse...

Triste realidade o que o colega Elmo, acima, elucida.
Também comungo com sua opinião.